Coluna

– Jornalismo com opinião

Bolsonaro mais uma vez é apoiado por robôs no Twitter. Agora na Argélia

Mais uma vez às vésperas de um debate presença do candidato é impulsionada de maneira artificial no Twitter. (foto principal: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agencia Brasil)

O fato ocorreu após uma série de perfis na rede social de microblogs de inclinação conservadora serem derrubados.

Os bots são aplicações autônomas que rodam na Internet enquanto desempenham algum tipo de tarefa pré-determinada.

Veja também: Bots tomam conta das redes sociais para forçar apoio à Bolsonaro

Eles podem ser úteis e inofensivos para os usuários em geral, mas também podem ser usados para forçar “apoios” nas redes sociais. Segundo pesquisa da Imperva, em 2016 os bots corresponderam a mais de 50% do tráfego total da Internet.

No mês passado um recente levantamento realizado pelo instituto InternetLab mostrou que 33% dos perfis que seguem o pré-candidato Jair Bolsonaro (PSL) são perfis falsos controlados por computadores.

Esses robôs (chamados bots) são programados para compartilhar, interagir e fazer volume nos perfis de forma automatizada e podem vir a ser utilizados para influenciar as eleições de outubro deste ano. E podem ter endereçamentos provenientes de diversas partes do planeta o que é identificado pelas redes sociais.

Segue abaixo um print com a presença dos bots de Bolsonaro em outro país:

Cleber Lourenço on FacebookCleber Lourenço on Twitter
Cleber Lourenço
Gosto de questionar, buscar a verdade e expor mentiras. Entre em contato: cleber@acoluna.co
banner com links
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
banner com links